Bagé 24 Horas - Sua fonte de notícias na cidade de Bagé - RS

Quinta-feira, 30 de Maio de 2024
O que dizem postos e supermercados sobre desabastecimento em Bagé

Economia
6057 Acessos

O que dizem postos e supermercados sobre desabastecimento em Bagé

Alguns postos estão racionando a venda de combustíveis e nos supermercados a venda de alguns itens está sendo limitada

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Alguns postos de combustíveis já estão começando a racionar a venda de combustíveis em Bagé. Na noite desta segunda-feira, 06, muitos postos da cidade já estavam trabalhando com venda racionada, para veículos de passeio e também caminhões. A reportagem do Bagé 24h entrou em contato com alguns postos de combustíveis e obteve a informação de que a refinaria Alberto Pasqualini, de Canoas, que é a principal abastecedora dos postos da região está com acesso reduzido, apesar de estar operando normalmente, o que acaba reduzindo o fluxo de chegada e saída de caminhões tanques.

Na noite desta segunda-feira, 06, a Petrobrás informou que a Refap esta operando e produzindo normalmente. Segundo a companhia, uma equipe de resposta à emergência está monitorando os principais pontos que podem afetar a operação da refinaria e a saída de combustíveis. O Ministério de Minas e Energia (MME) informou que não há falta de combustíveis na Refap e a refinaria opera com carga reduzida, mas com sobre-estoque de combustíveis.

A Refap também é autossuficiente em energia elétrica e sua operação não está exposta a desligamentos de subestações ou corte no fornecimento de energia, diz a pasta. Os desabastecimentos de combustíveis são pontuais e, por vezes, causados por corrida de consumidores aos postos. O governo do Rio Grande do Sul pediu que os postos revendedores priorizem o abastecimento dos veículos oficiais.

Em alguns estabelecimentos da avenida Santa Tecla e alguns postos do centro da cidade, já estava ocorrendo a venda de combustível de forma fracionada. Eram permitidos apenas 20lts de gasolina por cliente e para caminhões, apenas 100lts de diesel. Conforme informações obtidas, em alguns postos que ainda não aderiram a venda fracionada de combustível, durante a madrugada será monitorada a quantia disponível nos tanques subterrâneos, para na manhã desta terça-feira, 07, avaliar se haverá necessidade de aderir ao sistema de racionamento de combustível.

Ainda conforme informações obtidas pela reportagem do Bagé 24h com a gerência de uma rede de postos de Bagé, há a previsão de chegar combustível na quarta-feira, 08, porém, em quantidade reduzida, salientando que os motoristas não precisam estocar combustível. O produto vai chegar em Bagé, não há necessidade de filas para abastecimento, pode demorar um pouco mais do que o esperado, mas vai chegar.

Desabastecimento em supermercados

Também em contato com as duas principais redes de supermercados da cidade, a reportagem do Bagé 24H levantou informações sobre um possível desabastecimento na cidade. Conforme informações obtidas, apenas alguns produtos pontuais estão em falta, como alguns itens de hortifruti. Alguns produtos como leite, arroz e óleo de soja por exemplo, estão tendo sua venda limitada em alguns supermercados de Bagé, mas não há falta destes, produtos. Em relação a carne, também não há desabastecimento, principalmente na carne congelada. Os produtos de hortifruti seguem a mesma dinâmica dos combustíveis, podem demorar um pouco mais a chegar, mas chegarão a qualquer momento nos supermercados da cidade.

Comentários: